ENTREVISTAS

O PORTAL DA MICRO, PEQUENA E MÉDIA EMPRESA.

Tecnologia
Fernando Perasso
Especialista em Transformação Digital

Compartilhe:

Entrevista concedida pelo Especialista em Transformação Digital, Fernando Perasso, ao PME NEWS, edição de Janeiro de 2023 – Tema: “Web 3.0. O que esperar?”.

PME NEWS – O que é a Web 3.0?

Fernando Perasso – A Web 3.0 é construída sobre uma base que consiste em descentralização e abertura. Enquanto a  Web 1.0 é a “Web somente leitura”, a Web 2.0 é a “Web social participativa”, a Web 3.0 é a “Web de leitura, gravação e execução”.

Este estágio de interação e utilização da Web move os usuários para longe de plataformas centralizadas como Facebook, Google ou Twitter e para plataformas descentralizadas, quase anônimas. O conceito de descentralização da Web 3.0 seria viabilizado pela tecnologia de blockchain, ou seja, o conteúdo em circulação seria armazenado em uma cadeia de blocos que não seria controlada por um único membro, mas sim uma rede de computadores interconectada entre si e responsável pela manutenção e segurança da mesma. Logo, uma simples instituição não seria capaz de censurar, limitar ou remover um conteúdo em específico, uma vez que ela não teria controle total sobre seu armazenamento.

A navegação ocorre sem a necessidade de autenticação e com maior privacidade, pois trata-se de um ambiente descentralizado e as pessoas não precisarão de cadastros e fornecimento de informações pessoais na rede. A conexão é feita diretamente através de mecanismos como digital wallets (carteiras digitas) as quais detêm endereços de identificação, mas informações sobre o dono não serão públicas, e o usuário determina o que será compartilhado.

PME NEWS – Qual a visibilidade desta nova tecnologia para os negócios?

Fernando Perasso – Há muitas maneiras pelas quais a Web 3.0 pode beneficiar as empresas, uma delas o Customer Relationship Management (CRM) que sempre foi um foco central. A Web 3.0 auxilia a fornecer às empresas acesso a uma variedade de novas fontes de dados, isso permitirá oferecer serviços personalizados com muito mais aderência de relacionamento com os clientes e aumento das vendas.

Com os dados mais acurados coletados pelo CRM e combinado com as cadeias de suprimentos, será uma web mais inteligente e focada no usuário/cliente, onde os dados estão interconectados e podem ser processados por IA (Inteligência Artificial). A natureza descentralizada da Web 3.0 tornará as cadeias de suprimentos mais eficientes e seguras. Isso reduzirá custos e melhorará a qualidade dos produtos e serviços.

No Marketing e publicidade é possível uma experiência do cliente mais personalizada, a Web 3.0 permite que os profissionais de marketing atinjam seu público-alvo com mais eficiência. Como resultado, veremos um aumento nas vendas e no reconhecimento da marca por parte das empresas que optarem pelas tecnologias da Web 3.0.

PME NEWS – Cite exemplos de empresas que já fazem uso deste novo conceito?

Fernando Perasso – Não temos como não falar no Meta (antigo Facebook) que recentemente registrou várias patentes relacionadas ao metaverso, uso das criptomoedas e tecnologias relacionadas ao blockchain, a empresa vê web3 como uma rota promissora para a terceira geração da Internet. Este é um importante canal onde a empresa pretende direcionar o Metaverso.

Corretoras como a Coinbase e Block (antiga Square) que oferecem plataformas de negociação de criptoativos.

Um grupo de empreendedores brasileiros que criou a AlmaDAO, que acredita que a adoção de tecnologias web3 leva a sociedade para um futuro com mais transparência, privacidade de dados e valor para quem cria. Esse grupo reúne nomes como Rony Meisler, fundador da marca Reserva, Tallis Gomes, criador da Easy Taxi (o primeiro unicórnio brasileiro), Rapha Avellar, da Adventures, entre vários outros, decidiram assumir a linha de frente do desenvolvimento da Web 3.0 no Brasil.

PME NEWS – Que soluções desaparecerão com a web 3.0 é quais as que estão por vir?

Fernando Perasso – Não teremos o desaparecimento de tecnologias, mas sim complementos, as tecnologias de hoje já utilizadas como JavaScript, HTML5, CSS3 trabalharam com IA (Inteligência Artificial), ML (Machine Learning, aprendizado de máquina), descentralização de protocolos e autenticação sempre com foco no usuário.

PME NEWS – Como as PMEs podem se beneficiar com a nova Web?

Fernando Perasso – A Web3 ainda está em construção. Portanto, todos os seus benefícios estão atualmente enraizados em teorias e no potencial da tecnologia blockchain. Se a tecnologia se desenvolver como as Big Techs, esses benefícios podem ser percebidos, levando a uma grande mudança nos processos de negócios.

– Envolvimento de terceiros

As pequenas empresas raramente têm recursos para coletar seus próprios dados e, portanto, recorrem a empresas terceirizadas de mineração de dados.

Esses dados de terceiros são caros e raramente precisos. A imprecisão dos dados aumenta o custo das operações baseadas em dados. O blockchain elimina o envolvimento de terceiros, assim como as criptomoedas eliminaram em grande parte a participação dos bancos em transações monetárias. Dessa forma, as empresas podem coletar dados diretamente da fonte, gratuitamente ou por um preço menor em comparação com o que os corretores de dados exigem.

– Segurança

A segurança cibernética é uma ameaça na área de compras online. As pessoas são céticas em compartilhar suas informações para que agentes maliciosos não as roubem. E as empresas correm o risco de multas pesadas devido ao não cumprimento dos regulamentos.

Como toda a infraestrutura é descentralizada, a Web3 não tem um único ponto fraco que os hackers possam explorar e obter informações críticas. A tecnologia Blockchain torna difícil para os cibercriminosos penetrar nas redes e adulterar ou roubar informações confidenciais.

– Melhor experiência do cliente

A experiência do cliente sempre estará entre as principais variáveis na equação de sucesso de uma empresa.

A Web3 pode resolver esse problema com sua fácil disponibilidade de dados. Ela pode ajudar os profissionais de marketing a adquirir dados críticos de clientes sem ofendê-los. E, se usados corretamente, esses dados podem ajudar a oferecer uma experiência mais personalizada que os usuários desejam.

PME NEWS – Quais riscos que ela proporciona?

Fernando Perasso – As características da Web3 apresentam uma imagem positiva do que você pode alcançar com a nova interação da internet. Por outro lado, precisamos deixar claro que qualquer pessoa pode ter o privilégio de adicionar conteúdo à web. Sem gatekeepers (“guardião dos portões” encarregado de filtrar todas as tentativas de contato) centralizados, não há uma estrutura específica para verificar as informações adicionadas à web. Além disso, o conteúdo legível para todos durante o trânsito, pois os dados da web3 podem ser interpretados tanto por pessoas quanto por máquinas.

Outro ponto importante, os usuários devem assumir a responsabilidade pela segurança e qualidade dos dados disponibilizados.

As respostas para “A web3 é seguro?” geralmente apontariam para as explicações para a evolução incremental dos riscos de segurança nos diferentes estágios da evolução da internet. As vulnerabilidades de segurança na primeira geração da web também se traduziram na web2, e a mesma noção pode ser aplicada à terceira geração da internet.

PME NEWS – O que muda para as empresas Web 2.0 para 3.0?

Fernando Perasso – Mesmo com desafios já existentes nos diferentes estágios da evolução da internet, a disponibilidade e dados mais precisos e de forma mais assertiva, com foco nos usuários, as empresas tendem a ter um melhor aproveitamento no desenvolvimento de produtos e na cadeia de suprimentos.

A experiência do cliente sempre estará entre as principais variáveis na equação de sucesso de uma empresa.

Receba o PME NEWS

Ao enviar o e-mail, você declara estar de acordo com as Políticas de Privacidade e de Cookies publicadas no site.



    PATROCINADOR

    Veja também

    Carreira
    O Etarismo e os benefícios da intergeracionalidade nas empresas

    Ao clicar em “Aceitar cookies”, você concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a navegação no site, analisar o uso do site e nos ajudar na melhoria da qualidade dos nossos serviços Leia nossa política de privacidade e política de cookies