ENTREVISTAS

O PORTAL DA MICRO, PEQUENA E MÉDIA EMPRESA.

Seguros
Ivane Marchioro
Especialista em Seguros

Compartilhe:

Entrevista concedida pela Especialista em Seguros, Ivane Marchioro, ao PME NEWS, edição de Maio de 2023 – Tema: “O Mercado de Seguros e o ESG”.

PME NEWS – Por que contratar um seguro?

Ivane Marchioro – Preciso explicar que o objetivo de qualquer seguro é proteger contra riscos que algo ou alguém corre. A importância do seguro para a sociedade é de resguardar pessoas e patrimônios, com a finalidade de evitar que enfrentem prejuízos financeiros, resultante de um evento, ou de construir reserva de valor para o futuro.

Ninguém contrata “seguros” para utilizar, mas como não temos controle sobre o que vai acontecer, se precisar, ele está ali, para proteger os momentos difíceis.

PME NEWS – Houve alguma mudança à percepção na contratação de seguros devido ao evento da pandemia?

Ivane Marchioro – A COVID 19 colaborou para o despertar sobre a nossa vulnerabilidade e falta de controle.

A Revista Apólice de agosto/2022  já destacava o aumento da demanda por seguros e especialmente o seguro de vida. “A situação desafiadora trazida pela pandemia influenciou e ainda vai influenciar muito a relação do consumidor com o seguro, especialmente o de vida.”

O portal segs.com.br, reportagem de janeiro de 2023, destaca o crescimento de 10% na contratação de seguros de vida, o que representa maior conscientização pelas pessoas sobre o assunto e as inovações do mercado de seguros por parte das empresas do setor.

PME NEWS – Qual a importância da compreensão sobre os riscos para as empresas, em especial, as PMEs?

Ivane Marchioro – Vamos entender melhor sobre “riscos”. O risco representa a “incerteza” do resultado futuro de nossas escolhas no presente. Não precisamos ir muito longe para compreender sobre as “incertezas”, a espécie humana enfrentou desafios para sobreviver e se desenvolver. Pense comigo! Foi a espécie que melhor gerenciou seus riscos e, principalmente, o risco da extinção, sendo capaz de reagir às ameaças e aprender com elas.

A análise dos riscos bem como a gestão dos riscos são de suma importância para as empresas de qualquer porte.

A análise dos riscos concentra-se na identificação e avaliação de eventos que podem provocar danos ou prejuízos, enquanto a gestão dos riscos refere-se ao conjunto de medidas adotadas para mitigar essas ameaças. O Instituto de Orientação e Desenvolvimento de Pequenas e Médias Empresas (IODE-PMEs) destacou, na revista Exame Negócios de 2023, o crescimento significativo das PMEs nesse ano, sendo 1,5%, com projeções de crescimento ainda maiores nos setores agropecuário, comércio e serviços.

Para alcançar o êxito, os pequenos e médios empresários devem adotar medidas eficazes de mitigação de ameaças e riscos. O seguro é uma maneira importante de proteger o negócio e prevenir perdas financeiras, portanto, é essencial considerar sua inclusão no planejamento.

Tipos de seguros que as empresas devem considerar:

  • Proteção patrimonial: seguro contra incêndio e contra acidentes de trabalho
  • Seguro de responsabilidade Civil: risco ao causar prejuízos a terceiros, seja por falha ou erro profissional na execução do trabalho. Essencial para a prestação direta de serviços ao consumidor.
  • Seguro de vida e plano de saúde: Um diferencial de uma empresa, demostra cuidado com seus colaboradores. Um excelente mecanismo para que sua empresa consiga atrair e reter talentos.
  • Seguro de Frota: Proteger o patrimônio da empresa e dos funcionários que usarem os veículos para trabalhar.
  • Proteção aos atos de gestão: O gestor da organização pode ser responsabilizado pelos danos causados devido a eventuais falhas de gestão, incluindo, mas não limitado a questões civis, regulatórias, trabalhistas, penais, concorrenciais, tributárias, etc. Para auxiliar na mitigação desses riscos, existe o Seguro D & O (Directors & Officers, na sigla em inglês).
  • Proteção contra Ameaças Cibernéticas: Não subestime os riscos virtuais que afetam organizações de todos os portes e segmentos. Ataques podem visar informações pessoais, financeiras, cadastros de clientes, identidade, endereço, entre outros. O Seguro de Riscos Cibernéticos fornece cobertura em caso de violação de dados, defendendo a empresa das multas estabelecidas pela Lei Geral de Proteção de Dados, a LGPD.

PME NEWS – Qual o papel dos seguros no Planejamento Financeiro?

Ivane Marchioro – A falta de conhecimento em educação financeira no Brasil contribui para que não tenhamos a cultura de contratar seguros. Existem dois motivos que levam as pessoas se endividarem: a falta de planejamento financeiro com controle de orçamento e os gastos não previstos que podem surgir.

Ai, fica claro que todos nós de alguma forma precisamos contatar os seguros para mitigar riscos e preservar a nossa saúde financeira. Então, ter consciência financeira pressupõe entender aos riscos expostos e que a contratação de seguros tem como objetivo suprir perdas financeiras.

Nos últimos anos presenciamos um crescimento na pauta sobre educação financeira, com muitos canais na internet incentivando as pessoas a lidarem de forma mais consciente com o dinheiro. Estamos saindo de um modelo onde a decisão de compra estava pautada sob três aspectos principais: estética, qualidade e preço. Com um único objetivo, auto satisfação.

Uma nova geração que prioriza o essencial, focados na experiência. A decisão de compra com consciência financeira passa obrigatoriamente pela pergunta: Quero ou preciso?

Esse processo de mudança vem sendo desenhado pela discussão ao longo dos anos sobre sustentabilidade ambiental, socioeconômica e governança. Decisões de compra sustentável também na escolha de onde aplicar seus proventos, optando por fundos de companhias que priorizam a agenda ESG (ambiente, social e governança).

Vamos compreender que a educação financeira e a sustentabilidade andam juntas. Passamos a nos preocupar com o impacto de nossas escolhas e, por este motivo, priorizar boas decisões.

PME NEWS – Como as práticas envolvendo o ESG podem contribuir para o setor de seguros e seus consumidores?

Ivane Marchioro – A agenda para 2030 da (ODS) Objetivo do Desenvolvimento Sustentável de 2015 que envolve governo, empresas e sociedade. Pacto global para proteger o meio ambiente, promover a prosperidade e igualdade social.

Destaco dois dos objetivos que irão clarificar nossa conversa que são: Educação de qualidade e Consumo de produtos responsáveis.

Os jovens de hoje serão os consumidores, empresários, ou seja, os protagonistas do futuro. Sejamos responsáveis hoje para gerar gerações melhores para o planeta. Conscientes de suas escolhas financeiras e de consumo responsável.

As empresas estão envolvidas na agenda ESG, com programas que visam a promover as mudanças no modelo de negócio que envolve: processo estratégico, gestão do futuro e impacto de valor.

A temática ESG assume uma relevância fundamental para o setor de seguros. A normativa 666/2022 da SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) tratando sobre os requisitos de sustentabilidade para sociedades seguradoras, entidade abertas de previdência complementar (EACP’s), sociedades de capitalização e resseguradoras locais, como forma de adequação aos critérios de ESG.

PME NEWS – Em que pontos relacionados ao ESG as empresas do setor de seguros já fizeram ações?

Ivane Marchioro – Destaco algumas ações em ESG, na agenda das maiores seguradoras do Brasil:

  • Incentivo ao cuidado com seu capital através da Educação Financeira,
  • Programas sobre saúde financeira/planejamento financeiro,
  • Uso consciente de seguros,
  • Fundos de investimentos em ações de empresas com práticas ESG,
  • Gestão de resíduos,

É importante compreender que as finanças estão intimamente ligadas ao futuro de todos nós. Educação financeira inicia com as crianças que serão adultos mais capacitados e empresários mais bem preparados para as adversidades dos negócios.

É por isso que é fundamental compreender quais são as melhores maneiras de gerenciar nossas finanças e preparar as próximas gerações para o futuro.

A educação financeira é uma poderosa ferramenta para obter o melhor resultado em longo prazo, desenvolvendo o ensino de habilidades financeiras fundamentais que devem ser ensinadas a todos.

É hora de agir e ver o futuro com otimismo, pois já está chegando! Portanto, comece hoje a garantir a prosperidade e a longevidade das próximas gerações, educando-se financeiramente.

Receba o PME NEWS

Ao enviar o e-mail, você declara estar de acordo com as Políticas de Privacidade e de Cookies publicadas no site.



    PATROCINADOR

    Veja também

    Coaching
    Mindset. Qual o momento certo de virar a chave?
    Carreira
    O Etarismo e os benefícios da intergeracionalidade nas empresas
    Carreira
    A importância do nosso idioma para o mercado de trabalho

    Ao clicar em “Aceitar cookies”, você concorda com o armazenamento de cookies no seu dispositivo para melhorar a navegação no site, analisar o uso do site e nos ajudar na melhoria da qualidade dos nossos serviços Leia nossa política de privacidade e política de cookies